Recentemente, participei num workshop de resolução de problemas na Nova SBE Executive Education e fiquei a saber que as top competências para os tempos modernos são Judgment & Decision-Making (JDM) [julgamento e tomada de decisão] (HolonIq, 2019) e Complex Problem-Solving (CPS) [resolução de problemas complexos] (WEF, 2018).
M

arta Pimentel mencionou que, ao olhar para o Future of Jobs Report, publicado pelo World Economic Forum (WEF, 2018), além destas competências críticas de gestão estão incluídas outras, como pensamento crítico, criatividade, gestão de pessoas e coordenação com os outros.

Por exemplo, como os Key Decision Makers (KDMs) [decisores principais], líderes e gestores podem incorporar estas perceções nas suas empresas, firmas de consultoria ou até ONGs e organizações públicas? Para isso, é necessário um método integrativo que precisa de ser simultâneo e ágil para ser capaz de lidar com desafios complexos.

 

Existe algum método de tomada de decisão para resolver problemas complexos e gerir paradoxos?

Para nosso conhecimento o VCW é um dos poucos métodos integrativos que incorpora diferentes estruturas e stakeholders no mesmo modelo, para ajudar os KDMs e os líderes a tomar melhores decisões enquanto lidam com problemas complexos.  

O VCW é um método cientificamente testado, orientado para ajudar no apoio das decisões de negócios enquanto resolve os desafios organizacionais. Cria valor para diferentes stakeholders na cadeia de valor porque, foi desenvolvido, por mais de dois decénios, em cooperação com centenas de empresas, executivos, cientistas, académicos e alunos em todo o mundo.

Esta constante cocriação para a resolução de problemas reais tem proporcionado centenas de oportunidades para testar e aperfeiçoar o VCW, ao mesmo tempo que tem um impacto nas organizações e na sociedade.

Ao longo dos anos, diversas organizações em todo o mundo desenvolveram vários projetos VCW para lidar com diferentes desafios organizacionais. Foi o caso da Deimos Engenharia na área aeroespacial, que num período de apenas 4 anos já implementou onze projetos VCW.


Outros exemplos:

Organizações internacionais – GirlMove em Moçambique, Airbus e Lufthansa Technik na Alemanha; Gemalto, Eurocopter Helicopters, Marseille University em França, entre muitas outras.


Em Portugal – Jerónimo Martins, Liga Portugal, Montepio Acredita Portugal, MIT-Portugal program, Nova University, e Refood.

 

Pode o VCW ser usado por diferentes tipos de líderes ou apenas por KDMs?

Qual é a diferença entre um líder e um KDM?

O KDM é definido como alguém que tem acesso aos recursos 3Ms, que tem o poder e a disposição de alocar recursos em termos de Manpower [mão de obra] (pessoas), Minute [minuto] (tempo) e Money [dinheiro] (orçamento) (Lages, 2016).

Existe um consenso que os principais KDMs, tais como os membros do conselho das organizações, são líderes. No entanto, pode alguém ser um líder sem ser um KDM? Se um líder não é um KDM espera-se que tenha a capacidade de envolver/influenciar os KDMs. Através de um processo ágil e estruturado de resolução de problemas, o VCW permite que os demais compreendam melhor e aceitem as nossas decisões. Responde a questões críticas no processo de tomada de decisão como: porquê?;como?;o quê?.

O método VCW é usado, frequentemente, para gerir pessoas enquanto promove o pensamento crítico e a criatividade. Quanto maiores as equipas, mais útil será o método para as coordenar. É um método muito poderoso para os conselhos alinharem as expectativas e apoiarem a governação corporativa.


“O VCW é bastante poderoso para os boards porque, são envolvidos com eficácia, cria a oportunidade de fornecer inputs sem perder muito tempo, evitando discuções demorosas. É eficaz, no entanto de posse partilhada. Se há uma negociação entre os membros do conselho para uma decisão, é muito provável haver pontos de vista antagónicos.” - Nuno Catarino, chefe de divisão na Deimos Engenharia


Como pode o método VCW ser utilizado para tomadas de decisão participativas, racionalização das decisões e alocação de recursos?

Muitas vezes, os “grandes líderes” são obrigados a, reunir informações suficientes para apoiar os seus desafios envolvendo outros no processo de resolução de problemas, terem uma justificação clara para fundamentar as suas decisões e partilhar as opções e critérios por detrás das mesmas. O método VCW é uma solução possível para enfrentar este desafio. Permite fornecer informações estruturadas de uma forma flexível, sendo muito útil na redução dos riscos associados à alocação de recursos em decisões específicas.


O processo VCW é bastante democrático (…). Estamos a tomar opções racionais que são, completamente, agnósticas a posições hierárquicas, posições de influência e preconceções. Conseguimos criar soluções que são reais. Todos aceitam (…). Na altura da implementação o VCW torna as soluções de suporte muitos robustas.” - Nuno Ávila, gerente nacional da Deimos Engenharia


“O valor do VCW vem do raciocínio. Agora temos argumentos de peso para apoiar a nossa decisão de recrutamento.” - Tânia Marques, gerente de Recursos Humanos


O VCW é, também, um poderoso método de tomada de decisão para os líderes encontrarem soluções viáveis para os seus desafios, apoiarem o seu raciocínio e apresentarem argumentos para as decisões internacionais.  Após a aplicação da ferramenta VCW os líderes terão um raciocínio por detrás das suas decisões e, consequentemente, serão capazes de apresentar uma justificação para o porquê? perante outros KDMs. Centenas de projetos VCW depois, ficou claro que é uma ferramenta poderosa para envolver outras pessoas, com o propósito de recolher insights, encontrar decisões viáveis e implementar soluções organizacionais sustentáveis.


Como se pode usar o VCW para envolver diferentes stakeholders, promover a criatividade e construir ecossistemas de inovação?

O VCW constrói o poder da inovação, cocriação e sistematização da inteligência coletiva, com a finalidade de ajudar os KDMs e/ou líderes a resolver um problema/desafio, apresentar o seu raciocino (ou seja, o porquê?) e, consequentemente, encontrar o apoio para as decisões finais. Isto explica o porquê das empresas aplicarem atualmente o VCW para conseguirem , simultaneamente, resolver vários desafios e ajudar a desenvolver ecossistemas de inovação dentro das próprias organizações.


“Conhecendo a nossa capacidade de inovar, precisávamos de industrializar a inovação. (…) A metodologia VCW (ajudou) a gerir, internamente, este processo e a industrializar a inovação.” - Gonçalo Caseiro, presidente da INCM


"A parceria Deimos-VCW tem sido uma grande contribuição para o desenvolvimento de um ecossistema de inovação na nossa empresa. O VCW fornece uma base muito sólida para a construção e promoção das suas próprias soluções, o que representa um ótimo resultado final.  Tem uma grande vantagem de envolver, naturalmente, um grande número de stakeholders sem criar caos no processo. Pois, estes participam na formulação de ideias e de filtros e incorpora os seus inputs de forma transparente e racional até alcançar os resultados que têm a sua contribuição." – Nuno Ávila, gerente nacional da Deimos Engenharia


Num contexto empresarial os atributos dos KDMs e bons líderes incluem a gestão de pessoas e a coordenação com os outros (WEF, 2018). É obrigatório ter a capacidade de envolver stakeholders internos e externos, mobilizar apoio e tomar decisões de qualidade em circunstâncias de incerteza e ambiguidade. Para isso, é necessário possuir estruturas de tomada de decisão que permitam gerir paradoxos, como a criação de valor enquanto se reduz, simultaneamente, os custos, alinhando as perspetivas de engenharia e marketing, tendo uma estratégia global e local e gerar lucros de uma forma mais sustentável.


As estruturas para JDM e CPS também podem ser aplicadas às circunstâncias pessoais. Sendo que, todos nós podemos ser KDMs e/ou líderes na nossa própria vida, o VCW foi, também, aplicado por indivíduos e organizações para o impacto social, num contexto pessoal para ajudar a repensar as suas carreiras profissionais, descobrir o seu propósito de vida e encontrar um emprego.


“(O VCW ajudou) ao trabalhar numa posição de valor individual (…) Após trabalhar com o VCW fizeram um plano de desenvolvimento de carreira, no qual estavam muito mais focados, com uma melhor compreensão do que queriam ser e fazer.” - Alexandra Machado, fundadora e diretora executiva do Girl Move, Leadership and Entrepreneurship Academy


O VCW pode ser usado para apoiar os líderes a tomar as decisões certas do modo correto? Basicamente, somos todos líderes, tanto no contexto pessoal como profissional porque, todos nós temos a capacidade de resolver desafios ou contribuir com as nossas perspetivas para com quem tem o poder para o fazer, (ou seja, os KDMs). Estes desafios podem ser, por exemplo, desafios/problemas nas nossas organizações, grupos, países ou vida pessoal. Consequentemente, dependendo do contexto, todos nós podemos recorrer ao VCW para resolver os nossos desafios.

A principal questão é: O VCW pode ser, simultaneamente, eficaz e eficiente?


“O VCW facilita nas decisões mais recorrentes (…), mais focadas e fundamentadas (…), e mais estruturadas (…). Por isso, torna a tomada de decisão mais eficiente e eficaz.” - Paula Hortinha, antiga CEO da JMD-Jerónimo Martins Distribuição, e atual CEO do Walk’in Clinics


O VCW é o método ideal para a tomada de decisão. Primeiro, apoia a tomada de decisão efetiva porque, produz o resultado pretendido enquanto envolve os KDMs para alcançar os resultados previstos. Os KDMs encontram ideias legítimas e argumentos válidos para os seus desafios, encontram suporte para o seu raciocínio e concordam com as soluções finais. Segundo é um processo de tomada de decisão eficiente porque, faz as coisas de forma correta, funcionando bem com esforços e recursos reduzidos (tempo, orçamento e pessoal). O VCW define o valor como o benefício recebido pelos KDMs e os seus stakeholders, menos os esforços necessários (por exemplo: 3Ms- Manpower, Minute, Money [mão de obra, minuto, dinheiro]), após implementar as soluções encontradas pelo VCW.


Como o VCW pode ajudar na resolução de problemas complexos apoiados pelo julgamento e pela tomada de decisão?

Em suma, o VCW é um modelo de inovação e de tomada de decisão que ajuda os KDMs e os líderes a cocriar, tomar decisões eficazes e eficientes e resolver os seus desafios, enquanto se gera valor organizacional e social. É apoiado pela inteligência coletiva durante o processo de tomada de decisão participativa, através do envolvimento de stakeholders internos e externos, que ajudam a criar ideias, filtros, conceitos e soluções. (Lages, 2016).

O VCW permite que aos líderes aprender e a partilhar as razões e o suporte para o porquê das suas decisões. Permitindo-lhes divergir, enquanto envolvem a comunidade para recolher informações antes e depois de resolver um desafio. Nomeadamente, ao iniciar a partir de uma extensa gama de ideias e considerar os diferentes prós e contras (critérios/filtros) de diferentes opções. Isto permite-lhes convergir enquanto cocria e incorporar diferentes perspetivas na resolução de problemas, como as opiniões de outros KDMs, diferentes stakeholders internos e externos, céticos, retardatários e os defensores do diabo no processo de tomada de decisão.


O Desafio da Nova SBE: Descubra como os líderes e os  key decision-makers estão a aperfeiçoar as suas competências de VCW para a inovação, tomada de decisão e resolução de problemas complexos.

Para saber mais, por favor, visite: link do próximo curso a decorrer em outubro.

Bem-vindo ao VCW-Value Creation Wheel!

Publicado em 
17/2/2020
 na área de 
Liderança & Pessoas

Mais artigos de

Liderança & Pessoas

VER TODOS

Join Our Newsletter and Get the Latest
Posts to Your Inbox

No spam ever. Read our Privacy Policy
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.